Dicas para a gestão de condomínios

Dicas para a gestão de condomínios

Uma boa gestão de condomínios é fundamental para o equilíbrio do condomínio e para garantir uma boa convivência com os moradores.

Sem ela, é praticamente impossível ser um bom síndico e garantir os direitos e deveres de todos os condôminos. Por isso, que tal conferirmos algumas dicas que ajudarão você, síndico, a obter êxito na sua função e a trabalhar com excelência?

1 – Comunicação é a chave para abrir portas e conectar pessoas!

Para começar, a comunicação é fundamental. Sem ela, você não conseguirá se entender com os moradores, nem mesmo estabelecer normas a serem cumpridas, quem dirá a convenção e o regimento interno!

Portanto, quando você consegue trabalhar bem a comunicação com os moradores do condomínio, fica muito mais fácil garantir que os interesses comuns, os direitos, deveres e necessidades sejam todos atendidos como devem ser. E, para isso, é importante entender os perfis dos moradores. Tenha em mente que cada indivíduo possui interesses pessoais que, muitas vezes, podem não corresponder ao interesse coletivo. É importante saber identificar esses aspectos e entender como cada pessoa pode se encaixar na gestão do condomínio e, dessa forma, chegando a um dos pontos principais: compreender como a convivência pode ser melhorada, evitando conflitos e outros problemas.

Vamos aprender mais? Continue conosco!

2 – Conflitos só trazem problemas, sempre!

Brigões existem em todos os lugares e, mesmo que você identifique algum morador com esse perfil no seu condomínio, é importante dizermos que não é ético, nem sequer tratá-los de forma diferenciada. Entretanto, você deve alinhar sua comunicação para cada perfil de morador, garantindo que não existam ruídos no que está sendo dito e que quaisquer atritos serão evitados.

Por isso, evite conflitos e aprimore sua relação com todos os condôminos. Dessa forma, você dificilmente encontrará dificuldades em estabelecer normas e garantir que as mesmas sejam cumpridas.

3 – Esteja SEMPRE atento a tudo!

Quando não existe atenção por parte do síndico acerca dos possíveis problemas que podem vir a surgir no condomínio, além dos que já se fazem presentes, um convite para a confusão passa a existir, e isso pode culminar em consequências severas para o síndico e para todos os moradores.

Entenda um pouco mais sobre Gestão de condomínios. Temos um post espetacular para você: Conheça os melhores sistemas de gestão para condomínios!

Veja bem, um síndico precisa ficar responsável por garantir que todos os equipamentos, as áreas comuns e o condomínio em si se mantenham em pleno equilíbrio e que a manutenção para estes itens não seja falha, esteja sempre em dia e que os moradores saibam exatamente o que está sendo consertado e por quê. Afinal, alguém precisa bancar as reformas, não é mesmo?

Portanto, você, como síndico, precisa estar sempre disposto a ouvir, além de observar o condomínio por si próprio. Para tal, é preciso ter uma visão holística, garantindo que toda e qualquer parte do condomínio esteja sob sua supervisão.

É claro que só isso não é o suficiente, você, como síndico, precisa cuidar também das finanças do condomínio, questões de cobrança e similares. Com todas essas tarefas, dificilmente sobrará tempo suficiente para cuidar da contabilidade.

4 – Saiba como administrar da forma correta – contando com ajuda!

Todas as tarefas ligadas à rotina administrativa do seu negócio podem ser delegadas para terceiros, mais especificamente uma administradora de condomínios.

Elementos como:

  • A contabilidade;
  • Gestão de energia;
  • Gestão de água;
  • Administração;
  • Documentação de funcionários;
  • Salários;
  • Consultoria Trabalhista;
  • Consultoria Fiscal;
  • Consultoria Tributária;
  • Direitos de funcionários.

Que tal entender também sobre auditoria sobre condomínio? Leia este post preparado especialmente para você: Auditoria de Condomínios – o que é e como solicitar?

E outros aspectos ficam a cargo da Administradora de Condomínios.

Assim, você pode se focar em outros aspectos da sua gestão e garantir que se mantenha como um bom síndico.

Seja diferente, inove, evolua, inscreva-se em nossa newsletter !

Em caso de dúvidas, você sempre pode entrar em contato com a Total. E, se quiser saber mais sobre administradoras de condomínios, pode ler o nosso post.